Arquivo da tag: Reboot

Mortal Kombat | Warner Bros. anuncia início das filmagens

Reboot terá direção de Simon McQuoid e chegará aos cinemas em 2021

A Warner Bros. e a New Line Cinema anunciaram o início das filmagens do novo Mortal Kombat. Em comunicado, as empresas revelaram que o novo filme terá direção de Simon McQuoid, que faz sua estreia em longa-metragens e já está em produção no estado da Austrália do Sul.

Não há detalhes adicionais sobre a trama da adaptação de Mortal Kombat. A produção-executiva é de James Wan, diretor de filmes como Aquaman Invocação do Mal cuja produtora é responsável pelo longa, disse que pretende levar o projeto sem pressa e com a maior fidelidade ao game possível. Dirigido por McQuoid com roteiro de Greg Russo, o filme deve chegar aos cinemas em 5 de março de 2021.

Anúncios

Barrados no Baile | Elenco abraça o ridículo e faz do reboot uma grande piada

Estreia contou com o retorno de Jennie Garth, Tori Spelling e mais

Barrados no Baile | Elenco abraça o ridículo e faz do reboot uma grande piada

Quando o reboot de Barrados no Baile foi anunciado, a grande dúvida era de como as histórias iriam se desenrolar, uma vez que aquela era uma série sobre problemas juvenis e o elenco já está bem longe dessa realidade. O público não aceitaria ver episódios que ainda insistissem em problemas clássicos das séries adolescentes, contextualizados em atores já tão maduros. A solução encontrada acabou sendo o grande atrativo da produção: a série mostrará em seis episódios versões pejorativas dos próprios atores, perseguidos pelos personagens que viveram e decidindo se reunir para produzir uma volta.

Atores vivendo versões exageradas deles mesmos já tinha funcionado em Apartment 23, por exemplo, em que James Van Der Beek se saiu muito bem justamente ao abraçar a forma como Dawson Lerry era parte inerente de sua carreira – e fazendo muita piada disso.

A estreia de Barrados no Baile tem uma claridade exagerada, filtros de imagem bastante protecionistas e o elenco se esmera ao máximo para estar sempre perfeito em cena, sem nenhum fio de cabelo fora do lugar. É uma preocupação típica da televisão dos anos 1980 e 1990. Após os anos 2000, a boa televisão tem alta resolução, mas ela valoriza a sujeira, a distorção, a imperfeição. Essa super preocupação com o vídeo limpo aproxima demais a série de um tom novelesco, que de certa forma não deixa de ter a ver com os objetivos dessa renovação.

O texto, entretanto, se esforça para fazer graça com toda a situação, usando uma linguagem moderna e tentando se comunicar com o que está vigente nas comédias contemporâneas. O resultado ainda é um pouco estranho, mas sobretudo para quem acompanhou os dez anos da série original é bem divertido.

Nesse reboot, Tori Spelling tem seu último reality cancelado; Jennie Garth está passando por um traumático divórcio; Brian Austin Green tem uma esposa bem-sucedida enquanto ele é esquecido; Ian Zering também tem problemas com o casamento; Gabrielle Carteris lida com desejos sufocados por muito tempo; e Jason Priestley, que viveu anos de uma fama de bom moço, mostra que não é tão bom moço assim.

Nesse cenário, uma mistura louca de elementos reais com pura ficção se desenvolve ao passo em que uma convenção de fãs os obriga a se verem após anos. Há muitas menções espertas ao passado da série e muitas boas piadas sobre como eles estão agora. Shannen Doherty, que foi demitida por mau comportamento no set logo após a quarta temporada, havia se recusado a voltar, mas voltou atrás com a morte de Luke Perry.

Por anos os fãs pediram pelo retorno de Brenda e um dos pontos altos da estreia foi quando o roteiro precisou lidar com isso. Já queremos saber se eles falarão claramente sobre o que aconteceu quando ela saiu ou mesmo da terrível rivalidade que Garth e Spelling tinham com Tiffany Thiessen, que entrou para substitui-la. Tudo é extremamente falso e ao mesmo tempo, não é.

De fato, mesmo com toda a comédia feita com eles zombando de si mesmos, o aspecto mais real é a ausência de Perry, que já havia topado voltar e estava animadíssimo, quando faleceu repentinamente em março desse ano, vítima de um derrame. As homenagens a ele provavelmente vão continuar nos próximos episódios, mas foi especialmente bonito, durante a sequência no avião particular da esposa de Green, ver que o momento de falar sobre isso escolheu a delicadeza e não o sensacionalismo.

Ficam as palavras de Spelling sobre o que realmente sobra da experiência de ter sido parte de algo tão importante: “não vamos ficar aqui para sempre, mas fizemos juntos algo que vai”.

Como Perder Um Homem em 10 Dias ganhará reboot em série

Adaptação é um dos projetos do Quibi, plataforma de curtas

Como Perder Um Homem em 10 Dias ganhará reboot em série

A comédia romântica de 2003, Como Perder Um Homem em 10 Dias, será adaptada para uma série de TV pelo Quibi, plataforma de Jeffrey Katzenberg (Disney) para curtas. A informação é do TVLine.

O longa estrelado por Kate HudsonMatthew McConaughey conta a história de um casal com objetivos secretos e distintos: ela está escrevendo um artigo sobre como perder um homem em 10 dias, ele está em uma aposta para descobrir se consegue manter um relacionamento pelo mesmo período.

A série de TV mantém uma premissa semelhante, com elementos mais modernos. Segundo a sinopse oficial, “a trama segue uma jovem colunista e um publicitário executivo que precisam provar de uma vez por todas que precisam manter uma relação monogâmica. Eles rapidamente descobrem, no entanto, que manter um relacionamento é mais difícil do que Andie Anderson achava”.

A série ainda não teve previsão de estreia anunciada.

Jogos Mortais | Reboot de Chris Rock tem estreia adiantada para maio

Longa contará ainda com Samuel L. Jackson no elenco

Jogos Mortais | Reboot de Chris Rock tem estreia adiantada para maio

A Lionsgate adiantou a estreia do reboot de Jogos Mortais, estrelado por Chris Rock e Samuel L. Jackson. Em vez de outubro de 2020, o novo filme agora chegará aos cinemas em 15 de maio de 2020, de acordo com o Deadline.

Descrito como um “Jogos Mortais com esteroides”, a nova produção trará Rock como um detetive, enquanto Jackson interpreta o pai dele. O elenco ainda conta com Max Minghella e Marisol Nichols.

Ainda não há informações sobre a trama, criada por Rock. Sabe-se apenas que Darren Lynn Bousman volta para a cadeira de diretor e Pete Goldfinger e Josh Stolberg assinam roteiro.

Olha Quem Está Falando ganhará reboot

Original de 1989 tem Kirstie Alley e John Travolta

Julia Sabbaga/08.07.2019
Olha Quem Está Falando ganhará reboot

Olha Quem Está Falando, comédia de 1989, ganhará um reboot pela Sony Pictures, segundo a Deadline. O roteiro e direção ficará por conta de Jeremy Garelick, roteirista de Separados Pelo Casamento e diretor de Padrinhos Ltda. 

No original, Kirstie Alley interpretava uma mãe solteira que se envolve com um taxista, interpretado por John Travolta. A história é narrada pelo bebê, dublado por Bruce Willis. A comédia foi dirigida por Amy Heckerling.

“Estamos no estágio inicial, descobrindo o que será a versão moderna deste filme”, comentou Garelick. Ainda não há previsão de início da produção.

 

Jogos Mortais | Reboot será estrelado por Samuel L. Jackson e Chris Rock

Conheça o elenco do novo filme

Arthur Eloi/08.07.2019
Boneco Billy, de Jogos Mortais

O reboot de Jogos Mortais contratou o seu elenco. A informação é da Variety, veja todos os nomes confirmados até o momento na lista abaixo.

O comediante Chris Rock será o roteirista. “Eu sou um fã de Jogos Mortais desde o primeiro filme de 2004. Estou animado com a oportunidade de levar essa intensa franquia para o futuro”, explicou.

A direção ficará por conta de Darren Lynn Bousman, que comandou três sequências da franquia. O roteiro é baseado em uma história de Rock e será escrito por Pete Goldfinger Josh Stolberg.

“Quando Rock nos procurou e descreveu detalhadamente sua fantástica visão que reimagina e transforma o mundo do Jigsaw nós demos ‘all in’”, afirmou Joe Drake, presidente da Lionsgate.

O novo Jogos Mortais é previsto para 2020.

Chris Rock

2 Dias Em Nova York/Divulgação

Além de roteirizar, o comediante estrelará o novo Jogos Mortais como um detetive investigando uma série de brutais assassinatos.

Samuel L. Jackson

Caçada ao Presidente/Divulgação

O Nick Fury dos filmes da MarvelSamuel L. Jackson interpretará o pai do personagem de Chris Rock no filme.

Max Minghella

Conhecido por The Handmaid’s Tale, Minghella será o parceiro do detetive de Chris Rock.

Marisol Nichols

Riverdale/Divulgação

Atriz de RiverdaleMarisol Nichols será a chefe de polícia onde os personagens de Rock e Minghella trabalham.

Scream | Reboot da série de TV de Pânico vai pro VH1, ganha teaser e data

Seriado havia entrado em limbo após três adiamentos

Arthur Eloi/omelete/24.06.2019

reboot de Scream, série de TV da franquia Pânico, voltou do limbo: o programa agora não será mais produzido pela MTV mas sim pelo VH1, e também ganhou data de estreia e teaser. Veja acima.

Keke Palmer viverá Kym, uma ativista social com grande coração e zero paciência, é uma sobrevivente; Giorgia Whigham (Justiceiro) será Beth, gótica e artista de tatuagens. Fã assumida de filmes de terror que vive recitando seu conhecimento sobre assassinos da telona; Jessica Sula será Liv, a novata na escola e integrante das líderes de torcida; por fim, Giullian Yao Gioiello (Julie’s Greenroom) será Manny, um inteligente adolescente gay que se vê testado pelo assassino.

O rapper Tyga viverá Jamal, o leal meio-irmão do protagonista. Também integra o elenco C.J. Wallace, filho do rapper Notorious B.I.G., que viverá Amir, um garoto bom criado por pais conservadores que sonha em criar música, mas se torna alvo do assassino. Tyler Posey (Teen Wolf) viverá Shane, adolescente que abandonou a escola. Seu personagem é descrito como um traficante de drogas e organizador de festes que sempre está envolvido em algum esquema para ganhar dinheiro.

Bratt Matthews, veterano de The Vampire Diaries e Supernatural, assumirá o posto de showrunner e produtor executivo, ao lado de Queen LatifahShakim Conpere e Yaneley Arty.

A terceira temporada de Scream já sofreu três adiamentos: inicialmente era esperado que os capítulos inéditos chegassem em março de 2018, depois até junho, e mais tarde sem data mas ainda prevista para 2018. O lançamento não ocorreu em nenhumas das previsões.

Agora, Scream será transmitida em três partes durante três noites seguidas, começando em 8 de julho nos Estados Unidos. No Brasil, a primeira versão da série foi transmitida pela Netflix.

Brinquedo Assassino | Influência da tecnologia é o foco de vídeo de bastidores

Estreia está marcada para julho

Gabriel Avila/omelete/14.06.2019

A Orion Pictures divulgou um vídeo de bastidores de Brinquedo Assassino em que o elenco discute a influência da tecnologia para a nova versão de Chucky. Confira acima.

Lars Klevberg, de Morte Instântanea, será o diretor e Tyler Burton Smith, de Kung Fury 2, escreve o roteiro. David Katzenberg Seth Grahame-Smith, produtores de It: A Coisa, estão envolvidos no projeto.

No original, dirigido por Tom Holland e escrito por Don Mancini, a alma de um serial killer se apodera do boneco Chucky, que aterroriza uma mãe e seu filho para tomar o corpo do garoto e, assim, evitar ser transformado em um brinquedo para sempre. A franquia rendeu mais seis filmes, dois curtas, um game, entre outras adaptações. A aparição mais recente do personagem nos cinemas foi em Jogador Nº 1.

A nova versão não deve contar com a participação de Mancini, que atualmente trabalha em uma série de TV com o personagem – leia mais.  O longa será lançado dia 25 de julho no Brasil.

Brinquedo Assassino | Chucky terá outra origem, revela Mark Hamill

Estreia está marcada para julho

Mariana Canhisares/omelete/13.06.2019

Brinquedo Assassino | Chucky terá outra origem, revela Mark Hamill

O ator Mark Hamill, responsável pela dublagem de Chucky em Brinquedo Assassino, revelou que o personagem terá uma nova origem no longa. Em entrevista ao Den of Geek, ele disse:

“Quando eles me enviaram o roteiro, pensei que o elemento crucial que é diferente do original, que eu amo – sou grande fã da interpretação de Brad [Dourif] -, é a origem de Chucky. Não é a alma de um serial killer, mas alguém que deliberadamente altera o sistema operacional e tira as medidas de segurança”.

Lars Klevberg, de Morte Instântanea, é o diretor e Tyler Burton Smith, de Kung Fury 2, assina o roteiro. David Katzenberg Seth Grahame-Smith, produtores de It: A Coisa, estão envolvidos no projeto.

No original, dirigido por Tom Holland e escrito por Don Mancini, a alma de um serial killer se apodera do boneco Chucky, que aterroriza uma mãe e seu filho para tomar o corpo do garoto e, assim, evitar ser transformado em um brinquedo para sempre. A franquia rendeu mais seis filmes, dois curtas, um game, entre outras adaptações. A aparição mais recente do personagem nos cinemas foi em Jogador Nº 1.

A nova versão não deve contar com a participação de Mancini, que atualmente trabalha em uma série de TV com o personagem – leia mais.  O longa será lançado dia 25 de julho no Brasil.

Hellboy | David Harbour admite que reboot tem problemas

Ator vê comparações com filmes da Marvel como uma das razões para desempenho ruim

Mariana Canhisares/omelete/27.05.2019
Hellboy | David Harbour admite que reboot tem problemas

O ator David Harbour reconheceu que o reboot de Hellboy tem “sérios problemas” em entrevista ao Digital Spy. “Fizemos o nosso melhor, mas há tantas vozes nesse tipo de projeto e elas nem sempre funcionam”, explicou. “Fiz o que pude e tenho orgulho disso, mas em última instância não tenho controle de muita coisa”.

Para ele, o filme sofreu com comparações com o universo compartilhado da Marvel, o que ele considera injusto. Com orçamento estimado em US$ 50 milhões, Hellboy arrecadou pouco mais de US$ 21 milhões no mundo inteiro até agora.

“Acho que como um filme para alugar ou ver no avião, você pensaria ‘ah, isso foi divertido’, porque ele realmente é. Acho que ele sofreu injustamente como resultado dessas comparações”, disse.

No filme dirigido por Neil Marshall, Harbour é Hellboy, Ian McShane é o Professor Bruttenholm e Milla Jovovich é Nimue, a Rainha de Sangue. A produção está em cartaz.