Arquivo da tag: Grandes Clássicos

Orquestra Internacional fará concertos com clássicos do rock e do cinema

Apresentações acontecerão em São Paulo, nos dias 19 e 21 de setembro

Orquestra Internacional fará concertos com clássicos do rock e do cinema

Regida pelo maestro Ricardo Calderoni, a Orquestra de Concepción do Chile fará duas apresentações no Teatro Raul Cortez, em São Paulo, nos dias 19 e 21 de setembro.

Os concertos homenagearão bandas clássicas do rock, como Queen, Led Zeppelin e Pink Floyd, alternadas com versões de trilhas sonoras consagradas de filmes e séries como Harry Potter, Game of Thrones e Star Wars.

A apresentação do dia 19, quinta-feira, terá início às 21h e do sábado, 21, começará às 16h. Os ingressos, vendidos a partir de R$44, podem ser adquiridos pelo site do evento.

Anúncios

Beatles | Abbey Road ganhará edições especiais de 50 anos

Box deluxe chega a R$ 432

Abbey Road, um dos álbuns mais famosos dos Beatles, lançado em 26 de setembro de 1969, ganhará diversas edições especiais para comemorar seu aniversário de 50 anos. Por sua vez, a icônica foto da capa, que mostra o quarteto atravessando a rua que dá o nome ao disco, foi clicada há exatos 50 anos, em 8 de agosto do mesmo ano, por Iain MacMillan.

Os novos discos terão mixagens novas feitas a partir das gravações originais, feitas por Sam Okell e Giles Martin, filho do engenheiro de som original George Martin.

Os lançamentos comemorativos vão de um disco simples com as mixagens atualizadas a um box super deluxe com quatro discos e 23 faixas extras, que incluem demos e gravações, além de um livro de 100 páginas com capítulos escritos por Kevin Howlett, David Hepworth e fotos inéditas de Linda McCartney.

Para comemorar o lançamento, os Beatles liberaram a nova mixagem de “Something”, música clássica da banda – ouça acima.

As novas edições já estão em pré-venda e têm previsão de lançamento para o dia 27 de setembro.

Friends | Experiência imersiva comemora 25 anos da série

Evento em Nova York terá espaço dedicado a cada personagem

Julia Sabbaga/29.07.2019

Friends | Experiência imersiva comemora 25 anos da série

Uma experiência imersiva dedicada à Friends, intitulada Friends 25 Pop Up, será aberta em Soho, em Nova York, para celebrar os 25 anos de aniversário da série. Com espaços como o café Central Perk e o apartamento dos personagens recriados, fãs poderão visitar cenários além de brincar com artefatos clássicos.

Segundo a descrição da Deadline, objetos como um peru para colocar na cabeça, as poltronas de Joey e Chandler, a mesa de pebolim ou a porta roxa de Rachel e Monica estarão no local. Assim, fãs poderão tirar fotos e interagir em espaços dedicados a cada personagem. Confira:

Ingressos estarão à venda no início de agosto. Para mais informações, confira o site oficial do evento.

Todas as temporadas de Friends estão disponíveis no catálogo da Netflix.

TV Cultura lançará semanalmente sua programação clássica no Youtube

Exclusiva! Emissora também fará live de 12 horas para comemorar chegada do canal

Arthur Eloi/omelete/23.06.2019
Castelo Rá Tim Bum, clássico da TV Cultura

O legado da TV Cultura chegará à internet: a emissora revelou exclusivamente ao Omelete o lançamento do Vi na Cultura, canal no Youtube que contará com vários programas clássicos.

A programação da plataforma digital, gratuita, contará com vários nomes de peso, como Rá Tim BumCastelo Rá Tim BumCocoricóMundo da LuaGlub Glub e muitos outros originais, além de animações licenciadas que marcaram a emissora, como O Pequeno UrsoAs Aventuras de Babar Os Sete Monstrinhos.

Novos episódios dos programas serão lançados semanalmente por lá a partir do dia 28 de junho, mas o lançamento ocorre logo na próxima quinta-feira, em 27 de junho. No dia da chegada do Eu Vi na Cultura, a emissora fará uma maratona de 12 horas ao vivo dos maiores clássicos da TV Cultura, dando uma amostra do que estará disponível posteriormente no canal.P

O canal Eu Vi na Cultura já está disponível no Youtube.

O Homem do Castelo Alto | Editora Aleph lançará nova versão do romance

Romance de Philip K. Dick conta versão alternativa da Segunda Guerra Mundial

Gabriel Avila/omelete/03.05.2019
O Homem do Castelo Alto | Editora Aleph lançará nova versão do romance

A Editora Aleph anunciou o lançamento de uma nova versão de O Homem do Castelo Alto, o clássico romance de Philip K. Dick. A edição terá design de Giovanna Cianelli e capa de Rafael Coutinho, fortemente inspirada no estilo de Norman Rockwell, artista conhecido por retratar o estilo de vida norte-americano no início do século 20. Confira abaixo:

O Homem do Castelo Alto foi publicado originalmente em 1962 e se passa em uma versão alternativa da Segunda Guerra Mundial. No livro de K. Dick, os exércitos do Eixo teriam ganho a guerra, depois do assassinato de Franklin D. Roosevelt em 1933 – quando o presidente dos Estados Unidos sofreu um atentado à sua vida, mas que acabou vitimando Anton Cermak, então prefeito de Chicago. O livro inspirou a série The Man in the High Castle, que chegará ao fim em sua quarta temporada – saiba mais.

Led Zeppelin | Jason Bonham diz que nova turnê da banda nunca acontecerá

Robert Plant foi enfático após o show de 2007: “não temos de fazer de novo”

Fábio de Souza Gomes/omelete/15.04.2019
Metallica | Kirk Hammett diz que já tem material para novo álbum

Jason Bonham, filho do lendário baterista do Led Zeppelin John Bonham, afirmou que uma nova turnê da banda nunca acontecerá. Em entrevista a Howard Ster (Via Mirror), o músico explicou que perguntou para Robert Plant se após o show que reuniu o grupo 2007 havia alguma chance do grupo voltar, mas o vocalista disse que não.

“Ele me falou: ‘o que você sabe do seu pai é incrível. Mas falamos há vários anos que seria idiota continuar e devemos manter o que falamos. Fizemos isso, fizemos esse show, não temos que fazer de novo. Vamos deixar assim”, explicou.

Em comemoração aos 50 anos de formação da banda, o Led Zeppelin anunciou o lançamento de um vinil com mixagens alternativas e inéditas de “Rock and Roll” e “Friends”. O lançamento acontecerá dia 21 de abril – saiba mais.

Mega Drive Mini terá lançamento global em setembro com 40 jogos na memória

Console miniatura da Sega será vendido também em opção com dois controles

Depois de meses em silêncio, a Sega divulgou novidades sobre o Mega Drive Mini.

O aparelho terá lançamento mundial no dia 19 de setembro e virá com 40 jogos na memória.

No Japão, o videogame miniatura vai custar cerca de 70 dólares, enquanto a versão com dois controles sai por 90 dólares. Vale notar, os joysticks no Japão serão a versão com 6 botões.

Nos Estados Unidos o aparelho vai custar 80 dólares e estará disponívels apenas em versão com dois controles – sendo que os dois são do modelo com 3 botões.

A exemplo de outros relançamentos de consoles antigos em versão mini, o Mega Drive tem saída de vídeo HDMI e fonte de alimentação via cabo micro USB.

Um detalhe simpático é que o visual do jogo vai variar de acordo com a região: no Japão ele terá o visual do Mega Drive, enquanto nos EUA ele terá a aparência do Genesis, por exemplo.

A lista de jogos também vai apresentar diferenças entre regiões. Estes são os 10 primeiros títulos revelados para o console americano.

  • Ecco the Dolphin
  • Castlevania: Bloodlines
  • Space Harrier II
  • Shining Force
  • Dr. Robotnik’s Mean Bean Machine
  • ToeJam & Earl
  • Comix Zone
  • Sonic The Hedgehog
  • Altered Beast
  • Gunstar Heroes

Por enquanto, ainda não há detalhes sobre um possível lançamento no Brasil.

 

A Noite dos Mortos-Vivos | Filme terá exibição com banda ao vivo em São Paulo

Clássico de George A. Romero será exibido no MIS

Gabriel Avila/omelete/12.02.2019
A Noite dos Mortos-Vivos | Filme terá exibição com banda ao vivo em São Paulo

A Noite dos Mortos-Vivos, clássico do horror dirigido por George A. Romero, ganhará exibição com trilha sonora ao vivo em fevereiro pelo projeto Cinematographo, realizado mensalmente no MIS em São Paulo. A trilha do longa, que é um marco no cinema de horror, fica a cargo do projeto musical Caranguejo-Escorpião.

O evento acontece no próximo domingo (17) no Auditório MIS às 15hrs, com classificação etária de 16 anos. Os ingressos para sessão vão de R$6 (meia) à R$ 12 (inteira) e já estão disponíveis tanto na recepção do MIS quanto no site Ingresso Rápido.

AC/DC: Rumor diz que novo álbum está finalizado e terá riffs de Malcolm Young

Banda foi vista em estúdio mas não anunciou lançamentos

Julia Sabbaga/omelete/05.02.2019
AC/DC: Rumor diz que novo álbum está finalizado e terá riffs de Malcolm Young

Depois de algumas especulações e fotos no estúdio com o AC/DC, e ainda sem notícias oficias da banda, o jornalista Eddie Trunk revelou em seu programa de rádio que a banda já terminou gravações. Citando “fontes confiáveis”, Trunk disse [via Loudwire]:

“Me disseram que, até onde sabem, o álbum está praticamente finalizado, eles foram para o estúdio no Canadá e fizeram este álbum”. 

O jornalista ainda revelou que a banda deve incluir materiais gravados pelo guitarrista Malcolm Young antes de sua morte, em novembro de 2017: “Malcolm teve muita coisa gravada que eles trabalharam e incorporaram no disco”.

Brian Johnson e Phil Rudd são integrantes incertos no AC/DC, uma vez que o vocalista teve problemas de audição e foi afastado, substituído por Axl Rose em turnê, e Rudd esteve envolvido em problemas legais, acusado de porte de drogas e ameaça de morte de um indivíduo.

O último álbum do AC/DC, Rock Or Bust, foi lançado em 2014. Desde o lançamento, a banda também sofreu a perda de Malcolm Young, guitarrista fundador que faleceu em novembro.

9 coisas que você não sabia sobre Dr. Fantástico nos 55 anos do filme

Descubra algumas curiosidades sobre uma das melhores comédias de todos os tempos

Natália Bridi/omelete/29.01.2019
9 coisas que você não sabia sobre Dr. Fantástico nos 55 anos do filme

Considerada uma das melhores comédias de todos os tempos, Dr. Strangelove or: How I Learned to Stop Worrying and Love the Bomb (ou apenas Dr. Fantástico) nasceu como um suspense, uma adaptação fiel de Red Alert, escrito por Peter George. Conforme Stanley Kubrick escrevia a história sobre a possibilidade de uma guerra nuclear acidental, a tensão foi dando lugar ao humor e o roteirista Terry Southern foi contratado para transformar o thriller de guerra em sátira.

Com máximas como “Gentlemen, you can’t fight in here! This is the War Room” (algo como “Senhores, vocês não podem brigar aqui. Essa é a Sala de Guerra“), Dr. Fantástico é um retrato ácido e definitivo sobre os despautérios da guerra, exaltado pelas atuações magistrais de Peter SellersGeorge C. Scott. Para celebrar os 55 anos do filme, separamos algumas curiosidades sobre os bastidores do clássico:

Divulgação

Peter Sellers recebeu US$ 1 milhão para participar de Dr. Fantástico, quantia que correspondia a 55% do orçamento da produção. “Comprei três pelo preço de seis“, brincava Kubrick sobre o salário do ator, que interpreta o Capitão Lionel Mandrake, o Presidente Merkin Muffley e o ex-nazista Dr. Strangelove no longa.

Na cena em que a mão do Dr. Strangelove se descontrola, faz a saudação nazista e tenta esganá-lo, foram necessários diversos cortes para suprimir as risadas do elenco. Ainda assim, Peter Bull, que interpreta o embaixador russo, pode ser visto tentando esconder seu sorriso.

A cena em que General Turgidson tropeça e cai na Sala de Guerra não estava no roteiro. Kubrick decidiu manter o trecho no filme pois George C. Scott se manteve no personagem.

Divulgação

Há uma mesa com muita comida na Sala de Guerra pois Kubrick pretendia terminar o filme com uma guerra de tortas entre russos e americanos. O diretor decidiu não usar a cena pois achou que o trecho parecia muito exagerado em relação ao restante do filme. A sequência foi exibida pela primeira vez em 1999, em Londres, logo após a morte de Kubrick.

Peter Sellers também foi escalado para viver o Major T.J. “King” Kong, mas não conseguia acertar o tom do sotaque texano. Quando o ator quebrou o tornozelo, Kubrick decidiu escalar um novo ator para o papel, sendo rejeitado prontamente por John Wayne e Dan Blocker. O diretor então chamou Slim Pickens, de A Face Oculta, mas mostrou ao ator apenas o roteiro das suas cenas, para evitar uma nova rejeição pelo conteúdo político. Pickens também não foi avisado de que se tratava de uma comédia.

Divulgação

Muitos dos personagens têm nomes de duplo sentido: Jack D. Ripper, o general vivido por Sterling Hayde que enlouquece e arma um plano para iniciar uma guerra nuclear, é uma referência direta a Jack, o Estripador; Merkin Muffley, o presidente interpretado por Sellers, é uma referência a “partes femininas” (merkin é uma peruca de pelos pubianos e muff é uma gíria para pelos pubianos femininos); O General “Buck” Turgidson seria algo como “fanfarrão ereto”; o nome do Embaixador Russo Alexi de Sadesky (Peter Bull) é uma referência ao Marquês de Sade; e é, claro, O Dr. Strangelove do título é um “estranho amor”.

O filme marcou a estreia de James Earl Jones, a eterna voz de Darth Vader, no cinema. O ator teria irritado Kubrick por não conseguir lembrar das suas falas – conheça os primeiros papéis de outros atores.

Divulgação

Em 1995, Kubrick teria contratado Terry Southern para escrever a sequência de Dr. EstranhoSon of Strangelove. O diretor pensava em Terry Gilliam para comandar o longa. O script nunca chegou a ser finalizado, mas anotações com a estrutura da história foram encontradas entre os objetos de Southern após a sua morte. A trama se passaria em bunkers subterrâneos, onde Dr. Fantástico se refugiara com um grupo de mulheres. Gilliam comentou sobre o projeto em 2013: “Alguém que trabalhava com Kubrick me contou depois que ele morreu que ele estava interessado em outro Dr. Fantástico comigo na direção. Nunca soube disso até a sua morte, mas eu adoraria ter feito o filme“.

Divulgação

Dr. Fantástico seria lançado em 22 de novembro de 1963. Com o assassinato do presidente John F. Kennedy na data, os produtores decidiram adiar a estreia

Bônus: o documentário  Inside: Dr. Strangelove or: How I Learned to Stop Worrying and Love the Bomb sobre os bastidores da produção.