Arquivo da tag: Cancelamento

The Perfectionists é cancelada após uma temporada

Derivado de Pretty Little Liars teve apenas 10 episódios

The Perfectionists é cancelada após uma temporada

The Perfectionists, o derivado de Pretty Little Liars da Freeform, foi cancelado após uma temporada, de acordo com a Variety. Assim, a série encerra seu período no ar com apenas 10 episódios.

Em desenvolvimento desde 2014, o seriado foi exibido em março deste ano, baseado sua trama no romance homônimo de Sara Shepard. A história girava em torno de uma misteriosa morte que altera a rotina dos alunos da universidade Beacon Heights. Além das voltas de Sasha Pieterse como Alison DiLaurentis e Janel Parrish como Mona, o elenco contou com Hayley Erin (General Hospital), Sofia Carson (Descendantes), Sydney Park (Santa Clarita Diet), Eli Brown (Cupid’s Paradise) e Kelly Rutherford (Gossip Girl).

A primeira temporada de The Perfectionists está disponível no Globoplay.

Fim de semestre chegando e o prazo para finalizar o TCC começa a acabar

Você não precisa mais se desesperar

Monografis – Orientador TCC

O Monografis é uma plataforma online que serve como assistente de escrita dissertativa na elaboração do TCC, projeto TCC, artigo científico a artefatos mais complexos, dissertação e tese.

Seja orientado de forma Profissional

Link para checkout

http://bit.ly/2mIxmbR

Anúncios

Marvel cancela revista da Coração de Ferro

Série da heroína chega ao fim em dezembro

Marvel cancela revista da Coração de Ferro

Depois de doze edições, a Marvel decidiu cancelar a revista da Coração de Ferro, escrita por Eve Ewing. A série, que acompanhava a heroína Riri Williams terá seu último número publicado em dezembro no Estados Unidos.

Roteirista da HQ desde seu começo, Ewing falou sobre o cancelamento no Twitter, afirmando que esse não seria seu fim na editora e nem o fim de Riri, personagem importante na revista Campeões e figura esporádica em Tony Stark: Homem de Ferro.

De acordo com a escritora, dicas sobre o futuro da heroína poderão ser vistas em Incoming, publicação de prévias da Casa das Ideias com lançamento previsto para dezembro.

 

 

Riri Williams surgiu em 2016 e, ao lado de Victor von Doom, assumiu a armadura do Homem de Ferro após a aparente morte de Tony Stark depois de Guerra Civil II. Desde então, a heroína, cujo intelecto impressionou o próprio Stark, criou sua própria identidade e é uma das líderes dos Campeões, grupo de heróis jovens formado por Ms. Marvel, Miles Morales, Nova, Amadeus Cho e Viv Visão.

Já imaginou aprender a desenhar sem sair de casa em menos de 7 dias? ?? Iria impressionar todos seus amigos na escola!

Nessa aula gratuita vou te ensinar esse método novo 100% do zero e infalível que está ajudando milhares de pessoas de todas as idades a desenhar e colorir melhor seus animes favoritos !

Galerinha , ?? dá pra acreditar que esse desenho foi feito com lápis de cor barato?

54512612_1228082707360941_4940538193399605991_n

Estão vendo, não precisa ter material caro pra desenhar bem. Você irá conseguir com uma técnica muito especial. Que eu posso te passar!

materialcurso

Quer desenhar assim também e impressionar seus amigos? Clique no primeiro link para saber mais:

http://bit.ly/31QNojd

 

 

Link da compra

http://bit.ly/2H7UVCf

Disney cancela série dos Muppets de Josh Gad e Adam Horowitz

Nunca anunciada oficialmente, produção foi cancelada por diferenças criativas

Disney cancela série dos Muppets de Josh Gad e Adam Horowitz

A Disney cancelou a série dos Muppets de Josh Gad, Edward Kitsis e Adam Horowitz. De acordo com a Variety, o trio abandonou o projeto devido a diferenças criativas após os novos chefes do Muppets Studios mudarem a direção do projeto. A produção nunca chegou a ser anunciada oficialmente, mas seria uma sequência direta do filme Os Muppets Conquistam Nova York.

Vale lembrar que Os Muppets ganharão uma nova série no serviço de streaming Disney+ chamada Muppets Now, que deve chegar à plataforma em 2020.

Já imaginou aprender a desenhar sem sair de casa em menos de 7 dias? ?? Iria impressionar todos seus amigos na escola!

 

Nessa aula gratuita vou te ensinar esse método novo 100% do zero e infalível que está ajudando milhares de pessoas de todas as idades a desenhar e colorir melhor seus animes favoritos !

Galerinha , ?? dá pra acreditar que esse desenho foi feito com lápis de cor barato?

3

Estão vendo, não precisa ter material caro pra desenhar bem. Você irá conseguir com uma técnica muito especial. Que eu posso te passar!

materialcurso

Quer desenhar assim também e impressionar seus amigos? Clique no primeiro link para saber mais:

http://bit.ly/2H7UVCf

 

 

Link da compra

https://pay.hotmart.com/A10596905H?lang=pt-BR

The OA | Fãs fazem protesto contra o cancelamento no Times Square; veja

Grupo arrecadou US$ 5,500 para um cartaz no local

Um grupo de fãs de The OA organizou um protesto no Times Square, em Nova York, contra o cancelamento da série pela Netflix. No local, fãs imitaram os movimentos da série na frente de um cartaz publicado com o dinheiro arrecadado em uma campanha online. Confira acima.

A organização arrecadou US$ 5,500 para publicar o outdoor com a hashtag #SaveTheOA, ainda escrito: “Nós não vamos desistir de você”. 

As duas primeiras temporadas de The OA estão disponíveis na Netflix.

Krypton é cancelada após duas temporadas; derivado do Lobo não vai acontecer

Série do Syfy conta a história do avô do Superman

Foto de Krypton

O canal Syfy cancelou a série Krypton após duas temporadas. Segundo o Deadline, com o fim da série principal, o canal também não dará continuidade ao derivado sobre o Lobo que estava em desenvolvimento. O site diz ainda que produtores da série estão conversando com outros canais para salvar a atração, mas nenhum acordo foi fechado até o momento.

Entre as possibilidades estão o HBO Max, novo streaming da WarnerMedia, ou mesmo o DC Universe, que transmite atualmente a primeira temporada nos EUA. Fique ligado no Omelete para conferir as novidades.

A primeira temporada de Krypton estreou em 2018 contanto a história de Seg-El (Cameron Cuffe), pai de Jor-El e avô do Superman. Durante seus dois anos, o seriado explorou vários elementos conhecidos do universo do Homem de Aço, como Brainiac, Apocalypse, General Zod, entre outros. O segundo ano contou também com a aparição do Lobo, interpretado por Emmett J. Scanlan.

Boneca Russa deve ser encerrada na terceira temporada

Criadora e protagonista Natasha Lyonne especulou sobre o futuro da produção da Netflix

Foto da série Boneca Russa

Boneca Russa deve ser encerrada após a sua 3ª temporada, segundo a criadora e protagonista Natasha Lyonne. Falando sobre o futuro da produção da Netflix à THR, a atriz disse que a série sempre foi idealizada em três anos:

“Em muitas maneiras [eu visualizo como três temporadas], sim. Eu vejo de modo bem concreto, e veremos como se desenvolve”, comentou a atriz. “Eu sei que preciso de mente aberta para visualizar algo além da minha imaginação neste momento, para entender se ainda é assim que a série começa, tem meio, e termina. Talvez sejam só duas temporadas. Talvez sejam quatro. Neste momento, sinto clamarente que teremos estas três”. 

Em junho, a Netflix renovou Boneca Russa para sua segunda temporada.

Criação de Amy PoehlerNatasha Lyonne Leslye Headland, a trama acompanha Nadia (Lyonne), convidada de honra de uma festa inescapável em que toda vez que morre, se vê voltando para o começo do dia, sem entender.

Assim como o ano um, a segunda temporada de Boneca Russa contará com oito episódios.

The OA | 5 perguntas sem respostas deixadas pela série

Netflix cancelou a série após duas temporadas

The OA | 5 perguntas sem respostas deixadas pela série

O cancelamento de The OA foi uma paulada na cabeça dos fãs, que já haviam sofrido com o hiato entre o primeiro e o segundo ano. Em outros tempos, a Netflix teria dado à série uma terceira temporada, mesmo que os espectadores não fossem tantos. No último ano, contudo, esse quadro mudou e produções foram canceladas com duas ou até uma única temporada de existência. Disputando com Hulu, Amazon, HBO GO e tantas outras, a Netflix encontrou uma nova política: priorizar seriados que não custem tanto e que sejam muito assistidos. Salvando-se algumas exceções, como Stranger Things.

A criadora Brit Marling sabia que a primeira temporada, embora muito elogiada, não tinha alcançado popularidade – um reflexo da sua trama extremamente complexa. Por isso, a decisão de expandir o universo e levantar mais questões, ainda que consciente, foi muito arriscada. Sem que a produção tivesse se mostrado relevante nas premiações, esse passo afastou fãs e colocou a série numa posição em que tudo virou uma questão de fé. Seria mesmo possível contornar tantas dúvidas e entregar um desfecho?

Confira a seguir algumas questões importantes que ficaram em aberto:

Prairie, Nina e o Multiverso

Netflix/Divulgação

Quando começamos a acompanhar a história de The OA, fomos conduzidos por uma narrativa que parecia ser essencialmente mística, com Prairie levando um grupo de desconhecidos até uma espécie de clímax sensorial que daria mais respostas sobre as experiências de quase-morte. Contudo, após o intenso final desse primeiro ano, descobrimos que, na verdade, não estávamos diante de planos místicos – não completamente – e sim de realidades múltiplas. The OA tinha, então, revelado que era parceiro de produções como A Torre Negra e Fringe, em que os multiversos eram a base da mitologia.

Porém, quando fomos transportados para outra dimensão, uma série de outras perguntas foram criadas. Prairie saltou para a consciência de Nina, sua equivalente no outro lado, que conduzia pesquisas que buscavam abrir frestas entre esses universos. Ela contava com a ajuda de um cientista que era o equivalente a Hap e ele usava pessoas que tinham conseguido perceber os outros universos para capturar deles essa habilidade e fazer funcionar os mecanismos construídos para produzir as passagens.

A grande questão em aberto nisso tudo é justamente: por que Prairie? A série não estabeleceu se essa era uma habilidade dela, se havia outras como ela, se o fato de ser o Original Angel era estabelecido por forças maiores. E quanto a Nina? Ela passa a ser mesmo simbiótica com relação a Prairie? Em quase todas as tramas sobre multiversos, eles estão se chocando por alguma razão. The OA teria uma resposta para esses saltos? Essa resposta estaria na pesquisa de Hap?

Os “Outros”

Netflix/Divulgação

Quando a série estabeleceu que às vezes a noção de morte é apenas uma passagem para outra realidade, estava, na verdade, tomando um caminho muito interessante. É curioso pensar que a consciência pode ser tão poderosa que após a morte do corpo, ela procure por um novo “hospedeiro”, saltando entre os universos até encontrar um.

Sendo assim, talvez fosse possível admitir que Rachel e Scott, por exemplo, estivessem vivos. Steve, que também tem uma ligação um pouco mais intensa com Prairie, sempre foi uma peça importante desse quebra-cabeças. Ele parece ter atravessado totalmente. Mas, Karim não, ele apenas olhou por uma fresta. Se a “morte” possibilita o salto, estariam mortos em seus mundos originais? Claro, com exceção de Karim, que só olhou por uma espécie de véu. Será que ele realmente não atravessou? Porém, a grande questão acerca disso é: a morte é realmente um salto para outra dimensão ou essa “outra dimensão” é só mais uma forma de interpretar a morte e Prairie, Hap, Steve, estariam enterradinhos num cemitério qualquer?

Possuídos

Netflix/Divulgação

Outra teoria muito bacana proposta pela série foi a de que pessoas com personalidades múltiplas são na verdade esponjas de consciências de suas outras versões, que escapam eventualmente. Mas, o transtorno de múltiplas personalidades é uma ocorrência bastante rara. Por que isso acontece? Se a série tocou no assunto talvez seja um sinal de que tinha um plano maior. Pessoas que conseguem viver com tantas consciências alternativas poderiam ser, por exemplo, um trunfo para as pesquisas em torno do assunto.

Original Angel

Netflix/Divulgação

Falamos bastante de como a série acabou misturando o misticismo da primeira temporada com a ficção científica da segunda. Muito do misticismo acabou ficando para trás depois que até mesmo uma máquina para executar os movimentos foi construída. Mas, não podemos esquecer desse fator místico, que está imposto até no nome da produção: Original Angel.

Vejam bem, estamos falando de quase-morte, que é teorizada como uma ação em multiversos, enquanto ainda assim a protagonista é chamada de Angel… Será, então, que em algum momento, a série trataria as figuras que conhecemos como anjos de uma maneira a insinuar que eles podem ser pessoas que adquiriram as mesmas habilidades de Prairie? O que é ciência e o que é divino? O que é “céu” e o que é “universo”?

The OA

Netflix/Divulgação

No último episódio, vimos Prairie atravessar para uma outra realidade onde ela era, na verdade, sua própria intérprete Brit Marling. Esse imenso twist pegou todos de surpresa e lançou outra grande pergunta: como seria essa dinâmica entre a atriz viver uma personagem e a personagem ser, de fato, uma parte da consciência da atriz? Veríamos a série ser idealizada pela atriz ou pela personagem? Os outros personagens-atores teriam a mesma consciência dos fatos? E a busca de Prairie por Homer teria levado-a até o universo onde Homer era, na verdade, uma versão do ator Emory Cohen? A coisa toda é tão fascinante que chega a ser uma insinuação de que o trabalho de todo ator é, de certa forma, saltar até versões alternativas de si mesmo.

Infelizmente, nenhuma dessas perguntas encontrará respostas. Os contratos da Netflix impedem que algumas séries sejam salvas por outros canais e dificilmente veremos um especial ou um filme como aconteceu com Sense 8. A não ser que Brit vá a público dizer em voz alta quais eram os planos para o futuro, jamais saberemos onde a série pretendia chegar.

The 100 acabará na sétima temporada

Notícia veio dias antes do final do sexto ano

Mariana Canhisares/05.08.2019

O criador de The 100 Jason Rothenberg anunciou que a série acabará após a sétima temporada. Confira:

 

“Com o último episódio da sexta temporada de The 100 se aproximando, trago notícias agridoces: a sétima temporada será a nossa última. Somos eternamento gratos a Warner Bros e a CW por nós permitir contar a nossa história do jeito que queríamos e encerrá-la nos nossos termos. Que incrível jornada foi essa!”

No sexto ano, The 100 volta para seu novo ano após um salto temporal de 125 anos no futuro. Na sexta temporada, Bellamy (Bob Morley) e seus amigos sobreviventes tentam recomeçar a vida em outro planeta, mas enfrentarão desafios ainda maiores para sobreviver neste novo mundo.

The OA é cancelada pela Netflix após duas temporadas

Série chega ao fim após 16 episódios

Gabriel Avila/05.08.2019
The OA é cancelada pela Netflix após duas temporadas

The OA , série sci-fi na Netflix, foi cancelada após duas temporadas (via Variety). Cindy Holland, vice-presidente de conteúdo original da plataforma, afirmou que gostaria de trabalhar novamente com Brit Marling e Zal Batmanglij, criadores da produção:

“Estamos incrivelmente orgulhosos dos 16 hipnotizantes capítulos de The OA, e agradecemos a Brit Marling e Zal Batmanglij por compartilhar sua visão audaciosa e realizá-la através de sua incrível arte. Queremos trabalhar com eles novamente no futuro, nessa e talvez em muitas outras dimensões.”

As duas primeiras temporadas de The OA estão disponíveis na Netflix.

Woodstock 50 é oficialmente cancelado

Evento sofreu diversos problemas de contrato e locação

Julia Sabbaga/31.07.2019
Woodstock 50 é oficialmente cancelado

Woodstock 50, edição comemorativa do evento, anunciou hoje, 31, o seu cancelamento oficial. Após diversos problemas de contrato que abalaram a possível realização, o co-fundador Michael Lang declarou que “obstáculos imprevistos tornaram impossível que o festival que imaginamos aconteça” [via Billboard].

O comunicado oficial ainda agradece os nomes anunciados no line-up (confira aqui): “Nós agradecemos os artistas, fãs e parceiros que permaneceram do nosso lado mesmo em tempos adversos”.

Um dos investidores, Greg Peck, explicou que a perda da locação de Watkins Glen prejudicou toda a organização: “A disputa com nosso parceiro financeiro e os procedimentos legais nos colocaram em uma posição crítica, nos forçando a tentar achar um local alternativo a Watkins Glen (…) Nós trabalhamos duro para produzir um tributo apropriado – e grandes artistas se uniram a nós na última semana para apoiar o Woodstock 50 – mas o tempo acabou sendo curto demais”. 

O histórico festival aconteceu em 1969 e foi um marco na história da música, contando com shows de artistas como Jimi HendrixThe WhoJanis Joplin e outros. Em 2016, a fazenda de Bethel, local onde o Woodstock foi realizado, foi nomeado para patrimônio histórico dos Estados Unidos.