Arquivo da tag: Animação

Rick and Morty | Dublagem do último episódio foi gravada em isolamento

Atriz conta que interpretou algumas falas dentro do armário da casa do pai

Cena de Rick and Morty/Adult Swim

Enquanto Hollywood viu dezenas de produções serem paralisadas durante o período de quarentena, Rick and Morty encontrou um jeito de seguir em frente com o trabalho. O último episódio da série, Never Ricking Morty, já contou com algumas falas dubladas à distância pelo elenco da animação (via NME).

Spencer Grammer, que dá voz a Summer, contou que a produção lhe enviou um microfone e que ela gravou algumas falas dentro de um armário na casa do pai. “Funciona, fica bom, mas não tão bom quanto [se fosse em um estúdio]. É como se você estivesse em uma conferência no Zoom ao invés de dar uma entrevista pessoalmente. Você é uma pessoa diference ao vivo do que quando fala com uma pessoa através do computador”, disse a atriz.

Afirmando que os atores costumam gravar suas falas até poucos dias antes dos episódios serem exibidos, Grammer não descartou gravar a quinta temporada da série completamente do isolamento, embora não goste muito da ideia. “Seria viável, mas difícil mixar o áudio e gravar as falas. Alguns diálogos é tranquilo, mas eu não vou conseguir atuar tão bem de dentro do armário, segurando o computador e com o microfone colado na minha boca… É demais! Mas dá para fazer”.

Rick and Morty conta a história de Rick, um cientista que é um gênio, mas também um sociopata, que arrasta seu tímido neto Morty em aventuras perigosas e selvagens em todo o universo, em episódios que misturam dimensões paralelas, mundos alienígenas e dramas familiares que vão do existencial ao emocional.

As três primeiras temporadas completas, assim como a primeira parte do quarto ano de Rick and Morty estão disponíveis na Netflix. A segunda parte da 4ª temporada estreou em 3 de maio. 

The Blacklist finalizará episódio interrompido por paralisação com animação

Pandemia de coronavírus impediu conclusão da 7ª temporada

NBC/Divulgação

A sétima temporada de The Blacklist, que teve suas filmagens interrompidas pela paralisação causada pela pandemia de coronavírus, encerrará de maneira criativa, com o auxílio de animações no estilo HQ. O 19º episódio do ano, que servirá como final de temporada, estava sendo filmado em Nova York quando a quarentena foi estabelecida. 

“The Kazanjian Brothers” terá cenas intercaladas entre live-action e animação. Algumas cenas do episódio foram divulgadas pela NBC e podem ser conferidas abaixo:

Na história, James Spader interpreta Raymond, um dos fugitivos mais procurados do mundo, que se entrega sem nenhuma explicação. Ele revela que fez uma lista com os piores criminosos do mundo – até aqueles que o FBI não conhece – e ajudará as autoridades a pegarem todos, caso a novata Elizabeth Keen (Megan Boone) se torne sua parceira de trabalho.

Em fevereiro, a NBC confirmou a renovação da série para seu oitavo ano – e sem previsão de que será o último.

As seis temporadas anteriores estão disponíveis na Netflix.

Desde o começo da pandemia do coronavírus, várias áreas do entretenimento foram afetadas com o adiamento de estreias, paralisação de produções e cancelamento de grandes eventos.

Retornos e teorias: momentos para prestar atenção no trailer de Rick and Morty

Segunda parte da 4ª temporada promete presença de Bola de Neve e Tammy

Os fãs de Rick and Morty receberam um presente hoje (1) com a divulgação do trailer da segunda parte da quarta temporada da série, com estreia marcada para abril. Enquanto a primeira metade da nova temporada não agradou a todos, de acordo com a nova prévia, a nova leva de episódios parece promissora. Não apenas revemos alguns personagens marcantes do passado de Rick and Morty, como o trailer também parece mostrar uma batalha épica entre personagens. 

Confira abaixo os principais momentos para prestar atenção no trailer:

Exércitos na Cidadela?

Uma das frustrações dos fãs na primeira parte da quarta temporada de Rick and Morty foi a ausência da Cidadela de Ricks, que tem seu futuro incerto e intrigante após a eleição do “Evil Morty” para presidência. Nas últimas cenas do episódio “The Ricklantis Mixup”, da 3ª temporada, o Morty do mal assassina qualquer Rick que se opõe a ele, indicando uma ditadura no futuro da Cidadela. 

A primeira cena do trailer dos novos episódios parece retornar ao local, apesar de não deixar definitivamente claro. A arquitetura do predio que se encontra na frente dos exércitos certamente parece remeter à cidade dos Ricks, e a ideia é ainda corroborada pela presença de um exército de Ricks a sua frente. Aos lados, é possível ver também um exército de Meeseks, e uma terceira legião não identificada. 

O retorno de Snuffles (ou Bola de Neve)

A primeira aparição que chama atenção no trailer de Rick and Morty é o retorno do cachorro da família Smith, originalmente chamado Snuffles. O pequeno canino apareceu apenas no segundo episódio da primeira temporada quando, graças a uma invenção de Rick, ele desenvolve habilidades de fala, movimento e inteligência. No capítulo, ele muda seu nome para Bola de Neve e tenta fazer uma revolução canina, mas chega a conclusão que se apoderar do mundo humano não valeria a pena. Levando alguns de seus aliados, Bola de Neve parte para uma outra dimensão. 

A aparição de Bola de Neve no novo trailer acontece em conflito com uma outra criatura, não familiar. Na cena, o cachorro luta contra um gato que parece ter adquirido um equipamento similar ao mecanismo que torna os animais inteligentes. 

Tammy Vs. Summer

Outra figura familiar que surge no trailer tem seu retorno esperado desde o primeiro episódio da 3ª temporada, que, coincidentemente, foi lançado há exatamente três anos, em 1º de abril de 2017. Tammy, apresentada na série como amiga de escola de Summer, foi noiva do Homem-Passáro antes de assassiná-lo em seu próprio casamento, revelando ser uma agente secreta da Federação Galáctica. 

Sua última apatição aconteceu na cena pós-créditos do primeiro episódio da 3ª temporada, quando ela parece comandar uma operação de ressuscitação do Homem-Pássaro. Em uma cena que remete ao nascimento de Darth Vader em Star Wars, Tammy se reúne ao recém-intitulado Pessoa-Fênix, e os dois voam juntos sem destino conhecido. 

A cena em que Tammy aparece no novo trailer também remete à saga Star Wars, já que ela batalha contra Summer usando sabres de luz. O momento ainda promete um retorno mais que aguardado pelos fãs; será possível que finalmente vamos rever o Homem-Pássaro, digo, Pessoa Fênix, na 4ª temporada?

Summer está sumida?

Existem algumas pistas durante a prévia de que o futuro de Summer em Rick and Morty está em risco. Não apenas Beth questiona a dupla sobre como vai a filha, como na última cena Morty relembra o avô da missão em que estão: “Nós não deveríamos estar procurando a Summer?”. 

Mas a irmã de Morty aparece muito bem viva e paparicada durante a prévia, em uma posição que parece de realeza, no mesmo planeta que ataca a dupla de protagonistas em diversos momentos da prévia. Na cena, Summer aparece cercada de criaturas que tem a mesma forma estranha presa em seu rosto que Rick pede para que Morty coloque, logo no início do trailer. Neste momento, Summer pede que guardas aprisionem seus familiares. 

Será possível que a garota tenha se tornado comandante do exército que ataca seu irmão e seu avô?

Uma mesma batalha?

A nova prévia da quarta temporada, apesar de divulgada para promover os próximos cinco episódios de Rick and Morty, parece mostrar muito de um mesmo episódio, que deve levar a dupla, em um traje bem especial, ao planeta em que está Summer, e todas as criaturas que aparecem com a forma estranha no rosto. Mas existem outras semelhanças que surgem na tela, que parecem vir do mesmo episódio, como o próprio retorno de Tammy e Bola de Neve. 

Nas cenas em que os dois personagens aparecem, o fundo de uma batalha épica parece ser o mesmo. Como se não bastasse, na cena em que Summer luta contra Tammy, há uma estátua com um formato não muito claro, mas que certamente se assemelha a um cachorro no fundo. Seria possível que Tammy e Bola de Neve estejam no mesmo planeta, na mesma dimensão? 

Space Jam 2 | Don Cheadle pode viver o vilão do novo filme

Colega de elenco afirmou que ator será o grande antagonista da sequência

Space Jam 2 | Don Cheadle pode viver o vilão do novo filme

Embora as filmagens de Space Jam 2 já tenham sido encerradas, não existem muitas informações sobre o projeto, especialmente sobre a participação de Don Cheadle (Vingadores: Ultimato) no longa estrelado por LeBron James. Enquanto a única informação até o momento era a de que o ator não faria apenas uma ponta, como Bill Murray fez no filme original, Paul Scheer, colega de elenco de Cheadle na série Black Monday, revelou que ele será o vilão da sequência (via Cinema Blend).

Na verdade, Don Cheadle, que eu conheço de Black Monday, vai ser o vilão de Space Jam 2, ele disse que LeBron James está ótimo. Ele está muito bom em Descompensada [2015], também”, disse Scheer, sem revelar muito mais sobre o projeto.

Scheer não se aprofundou no assunto, não deixando claro se Cheadle dublará um personagem animado ou se seu vilão fará parte dos personagens live-action do longa. Também é necessário lembrar que a informação não foi confirmada por nenhum dos envolvidos na produção.

Estrelado por LeBron James, o longa contará também com Anthony DavisDamian LillardKlay Thompson e as jogadoras da WNBA Diana TaurasiNneka Ogwimike e Chiney Ogwumike. A expectativa é que mais jogadores da NBA e da WNBA sejam confirmados em breve. A atriz Sonequa Martin-Green viverá a esposa de LeBron no longa.

Com direção de Malcolm D Lee e roteiro de Ryan Coogler (Pantera Negra) e Sev OhanianSpace Jam 2 tem lançamento marcado para julho de 2021. O longa original foi estrelado por Michael Jordan e teve atletas como Patrick Ewing e Charles Barkley.

Minions 2: A Origem de Gru tem estreia adiada por causa do coronavírus

Animação, que antes chegaria aos cinemas em julho, não tem mais previsão de lançamento

Cena de Minions 2

A Universal e a Illumination anunciaram o adiamento da estreia de Minions 2: A Origem de Gru por causa da pandemia do coronavírus, de acordo com a Variety. A sequência, que estava marcada para chegar aos cinemas em julho, já não tem mais previsão de estreia.

A indeterminação se deve ao fato de que a Illumination Animation precisou fechar seus estúdios na França, atendendo as orientações do governo do país. Deste modo, a animação não ficará pronta a tempo da data original do lançamento.

A direção de Minions 2 é de Kyle Balda, que codirigiu o primeiro, e Brad Ableson, de Os Simpsons. O primeiro longa, lançado em 2015, superou o marco de US$ 1 bilhão nas bilheterias.

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes – incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como 007 – Sem Tempo Para Morrer, Velozes e Furiosos 9, Um Lugar Silencioso 2, Mulan, Novos Mutantes entre outros, tiveram suas estreias adiadas por causa da pandemia. Entre 13 e 15 de março, os Estados Unidos registraram sua pior arrecadação em 20 anos nas bilheterias.

(Des)encanto – 2ª parte | Crítica

Do Inferno ao mundo steampunk, série expande ainda mais o seu universo, mas perde fôlego com tramas paralelas

Imagem de (Des)encanto

Quem acompanha o trabalho de Matt Groening sabe que o criador de Os Simpsons e Futurama costuma brincar como ninguém com personagens mundanos e problemas do dia-a-dia, mesmo dentro das histórias mais fantasiosas. Quando a primeira parte de (Des)encanto chegou à Netflix, fomos apresentados a um estranho mundo medieval com magia, criaturas fantásticas e personagens com atitudes ainda mais questionáveis do que estamos acostumados a ver em suas obras. Dentro do seu formato já conhecido, foi uma estranha e agradável surpresa.

Os primeiros capítulos da segunda parte se propõem a desamarrar os nós deixados pelos 10 primeiros episódios. Conforme segue a linha narrativa principal, os capítulos fluem com naturalidade. O humor sarcástico do texto supervisionado por Groening faz com que não só a princesa Bean, mas Luci, Elfo e Rei Zog ganhem ainda mais destaque, cada um com uma piada mais infame do que a outra.

Enquanto a primeira parte funcionou mais como uma apresentação dos personagens ao público, foi apenas em seus momentos finais, com a busca pela criação do Elixir da Vida, que a trama ganhou mais agilidade. Após consolidar os papéis de cada um na história, os novos episódios têm como foco expandir ainda mais o universo de (Des)encanto, levando a viagens marítimas, celestiais (as passagens pelo Paraíso e o Inferno guardam alguns dos melhores momentos da temporada) e até uma visita ao mundo steampunk, tão explorado nos anos 1980 e 1990.

Mesmo com mais espaço para desenvolver os protagonistas, é nesse processo que os novos capítulos deixam a desejar. Conhecemos um pouco mais de Bean e sua necessidade de se encontrar na sociedade arcaica de Dreamland; Rei Zorg luta para sobreviver à nova vida sem suas rainhas e até mesmo o irmão-anfíbio Derek expõe seus sentimentos mais íntimos, mas toda a construção é feita com tramas paralelas sem o mesmo encanto que a narrativa principal. Apesar de cada um dos protagonistas ganhar personalidades mais bem definidas, a possibilidade de fazer episódios um pouco mais longos dentro do serviço de streaming não se encaixou com o material em mãos do showrunner Josh Weinstein. Alguns trechos parecem estar lá apenas para completar o tempo de 27 a 30 minutos.

Assim como na primeira parte, as referências a outras obras de cultura pop seguem presentes nos novos capítulos, de Game of Thrones a Ghost: Do Outro Lado da Vida. E não teria o dedo de Groening sem as críticas nas entrelinhas à sociedade estadunidense, sobrando até para o serviço público de saúde.

Mesmo com pontos negativos, a segunda parte tem ótimos momentos e deixa um gancho que promete explorar ainda mais os mistérios desse universo. Bean ainda tem muito a resolver – seja no reino de Dreamland ou consigo mesma – e (Des)encanto tem carisma de sobra para prender a atenção por mais algumas temporadas.

(Des)encanto Em andamento (2018- )

Criado por: Matt Groening, Josh Weinstein

Duração: 2 temporadas

Mortal Kombat Legends: Scorpion’s Revenge ganha data de estreia

Animação mostrará a busca de Raiden por campeões na Terra

Cena de Mortal Kombat Legends: Scorpion’s Revenge

Mortal Kombat Legends: Scorpion’s Revenge já tem data para estrear nos Estados Unidos. A animação baseada nos clássicos jogos chega às plataformas digitais em 12 de abril, e ganha Blu-ray e DVD em 28 de abril (via MovieWeb).

A sinopse de Mortal Kombat Legends diz que a animação vai mostrar Raiden em sua busca pelos campeões da Terra, como Liu Kang, Sonya Blade e Johnny Cage, mas curiosamente não menciona Scorpion – personagem que está no título do longa e em destaque no trailer.

Produzido pela Warner Bros. com a consultoria de Ed Boom, criador dos games de luta, Mortal Kombat Legends: Scorpion’s Revenge será lançado no segundo trimestre de 2020, direto para DVD e Bluray. A franquia também terá um novo filme live-action, intitulado apenas Mortal Kombatprevisto para chegar ao cinema em janeiro de 2021.

(Des)encanto – 2ª parte | Crítica

Do Inferno ao mundo steampunk, série expande ainda mais o seu universo, mas perde fôlego com tramas paralelas

Imagem de (Des)encanto

Quem acompanha o trabalho de Matt Groening sabe que o criador de Os Simpsons e Futurama costuma brincar como ninguém com personagens mundanos e problemas do dia-a-dia, mesmo dentro das histórias mais fantasiosas. Quando a primeira parte de (Des)encanto chegou à Netflix, fomos apresentados a um estranho mundo medieval com magia, criaturas fantásticas e personagens com atitudes ainda mais questionáveis do que estamos acostumados a ver em suas obras. Dentro do seu formato já conhecido, foi uma estranha e agradável surpresa.

Os primeiros capítulos da segunda parte se propõem a desamarrar os nós deixados pelos 10 primeiros episódios. Conforme segue a linha narrativa principal, os capítulos fluem com naturalidade. O humor sarcástico do texto supervisionado por Groening faz com que não só a princesa Bean, mas Luci, Elfo e Rei Zog ganhem ainda mais destaque, cada um com uma piada mais infame do que a outra.

Enquanto a primeira parte funcionou mais como uma apresentação dos personagens ao público, foi apenas em seus momentos finais, com a busca pela criação do Elixir da Vida, que a trama ganhou mais agilidade. Após consolidar os papéis de cada um na história, os novos episódios têm como foco expandir ainda mais o universo de (Des)encanto, levando a viagens marítimas, celestiais (as passagens pelo Paraíso e o Inferno guardam alguns dos melhores momentos da temporada) e até uma visita ao mundo steampunk, tão explorado nos anos 1980 e 1990.

Mesmo com mais espaço para desenvolver os protagonistas, é nesse processo que os novos capítulos deixam a desejar. Conhecemos um pouco mais de Bean e sua necessidade de se encontrar na sociedade arcaica de Dreamland; Rei Zorg luta para sobreviver à nova vida sem suas rainhas e até mesmo o irmão-anfíbio Derek expõe seus sentimentos mais íntimos, mas toda a construção é feita com tramas paralelas sem o mesmo encanto que a narrativa principal. Apesar de cada um dos protagonistas ganhar personalidades mais bem definidas, a possibilidade de fazer episódios um pouco mais longos dentro do serviço de streaming não se encaixou com o material em mãos do showrunner Josh Weinstein. Alguns trechos parecem estar lá apenas para completar o tempo de 27 a 30 minutos.

Assim como na primeira parte, as referências a outras obras de cultura pop seguem presentes nos novos capítulos, de Game of Thrones a Ghost: Do Outro Lado da Vida. E não teria o dedo de Groening sem as críticas nas entrelinhas à sociedade estadunidense, sobrando até para o serviço público de saúde.

Mesmo com pontos negativos, a segunda parte tem ótimos momentos e deixa um gancho que promete explorar ainda mais os mistérios desse universo. Bean ainda tem muito a resolver – seja no reino de Dreamland ou consigo mesma – e (Des)encanto tem carisma de sobra para prender a atenção por mais algumas temporadas.

(Des)encanto Em andamento (2018- )

Criado por: Matt Groening, Josh Weinstein

Duração: 2 temporadas

Dois Irmãos é banido em países do Oriente Médio por trazer personagem LGBTQ+

Personagem de Lena Waithe no filme cita relação difícil com a filha da namorada

Dois Irmãos é banido em países do Oriente Médio por trazer personagem LGBTQ+

Nova animação da Disney/Pixar, Dois Irmãos foi banido de diversos territórios do Oriente Médio por causa de uma fala que revela que a personagem Specter, uma ciclope dublada pela atriz e cineasta Lena Waithe, reflete sobre sua relação com a filha da namorada, revelando-se, assim, a primeira personagem abertamente LGBTQ+ da história do estúdio (via Variety).

No “polêmico” trecho, personagem de Waithe diz “a filha da minha namorada está me deixando louca”. A curta cena fez com que o lançamento do filme fosse cancelado em Oman, Kuwait, Arábia Saudita e Qatar, enquanto a Rússia, conhecida por sua longa história de censura aos direitos da comunidade LGBTQ+ trocou a palavra “namorada” para “parceira”.

Com Tom Holland e Chris PrattDois Irmãos – Uma Jornada Fantástica conta ainda com Julia Louis-DreyfusOctavia Spencer e John Ratzenberger no elenco. A animação já está em cartaz nos cinemas brasileiros.

Frozen 2 ganha Funkos novos com direito a Elsa e seu cavalo de gelo

Bruni, a salamandra de fogo, e Olaf também ganharam novos colecionáveis

Frozen 2 ganha Funkos novos com direito a Elsa e seu cavalo de gelo

A Funko revelou novos colecionáveis de Frozen 2. A empresa usou sua conta no Instagram para revelar Pops! da Elsa em seu cavalo de gelo, Olaf e Bruni, a salamandra de fogo, Confira abaixo:

Segundo a sinopse oficial, Anna, Elsa, Kristoff, Olaf e Sven deixan o reino de Arendelle para viajar até uma antiga floresta de uma terra encantada. O objetivo é encontrar as origens do poder de Elsa para salvar o reino.

Frozen 2 segue em cartaz nos cinemas brasileiros.