Carrie Fisher e Debbie Reynolds terão funeral conjunto

Toldei Fisher, irmão de Carrie, confirmou a informação

Todd Fisher, irmão de Carrie Fisher e filho de Debbie Reynolds, confirmou que ambas terão os funerais realizados em conjunto. A cerimônia está em planejamento, mas ainda não tem local nem data definida. A informação é da ABC News.

No último sábado, Carrie Fisher sofreu um ataque cardíaco em avião que ia do Reino Unido para Los Angeles. A atriz de 60 anos veio a falecer na terça-feira (27). Um dia depois, sua mãe Debbie Reynolds teve um derrame e foi levada âs pressas para o hospital. Ela não resistiu e faleceu aos 84 anos de idade.

Anúncios

Fome de Poder | Filme sobre a criação do McDonalds ganha novo trailer – veja

Michael Keaton é o empresário Ray Kroc no longa

The Founder, filme sobre a ascensão do McDonald’s até se tornar um império do fast food, ganhou um novo trailer que foca em Michael Keaton como o protagonista Ray Kroc:

Robert Siegel (O Lutador), escreve o drama, que reconta a história real de Ray Kroc, um vendedor de Illinois que conheceu Mac e Dick McDonald e, impressionado com a velocidade com que os irmãos operavam uma hamburgueria no Sul da Califórnia nos anos 1950, viu o potencial para transformá-la numa franquia – que Kroc acabou tirando das mãos dos McDonald’s. Linda Cardellini viverá Joan, terceira esposa de Kroc, que o conhece enquanto era casada com um magnata de Minneapolis. B.J. Novak também está no elenco.

A estreia de The Founder é prevista para 20 de janeiro nos EUA.

Homem-Aranha | Miles Morales deve ser o protagonista do novo filme animado

Chamada de elenco revelou mais sobre o personagem principal do projeto

A chamada do elenco do novo filme animado do Homem-Aranha parece confirmar que o protagonista será mesmo Miles Morales. De acordo com o ComicBook.com, a descrição do personagem principal fala sobre “um jovem afro-americano/porto riquenho que vive no Brooklyn”.

A informação foi ventilada há meses pelo Heroic Hollywood, que dizia ter confirmado a presença de Morales no longa. O que se sabe de oficial é que essa animação não terá ligação de continuidade com Homecoming (o longa do Aranha Parker que será estrelado por Tom Holland) ou com os demais filmes da Marvel.

Fora dos quadrinhos, Morales já apareceu na televisão como o Aranha, na série animada Ultimate Spiderman.

O filme será produzido e escrito por Phil Lord e Chris Miller, conhecidos por Anjos da Lei e Uma Aventura LEGO, mas ainda não há certeza se ambos vão assumir também a direção. Ainda não há previsão de estreia.

Homem de Ferro | Empresa cria armadura robótica em tamanho real – veja o vídeo

Produto custa cerca de R$ 1,3 milhão

Agora é possível ter uma armadura do Homem de Ferro dentro de casa. A empresa chinesa The Toys Asia fez uma versão robótica em tamanho real da Mark 43, uma armaduras que o herói usa em Vingadores: Era de Ultron. Confira o vídeo de apresentação do produto abaixo:

O traje custa a bagatela de US$ 360 mil, algo em torno de R$ 1,3 milhão. A roupa tem 567 articulações e 46 motores para movimentar cada uma das partes vistas no vídeo – são necessários 27 segundos para todos os movimento serem completados. Infelizmente, não é possível vestir a armadura, ela é “apenas” um objeto de exposição. O produto é licenciado pela Marvel e chega em 2017.

Maior e mais lucrativa turnê de 2016

Grupo liderado por Ozzy Osborne passou por Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo

De acordo com a Ticketbis, plataforma de revenda de ingressos, a turnê do Black Sabbath foi a que mais vendeu ingressos no Brasil em 2016.

Segundo levantamento da empresa, o grupo de Ozzy Osbourne, Tony Iommi e Geezer Butler, que passou por Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo, ficou à frente de grupos como Guns N’Roses, Iron Maiden e Rolling Stones. Confira abaixo o ranking:

1)  Black Sabbath
2)  Guns N`Roses
3)  Iron Maiden
4)  Rolling Stones
5)  Andrea Bocelli
6)  Scorpions
7)  Roberto Carlos
8)  Aerosmith
9)  Coldplay
10) Lionel Richie

O Filho Eterno | Crítica

Adaptação literária mostra de forma crua as dificuldades de criar uma criança com deficiência

Os primeiros relatos da síndrome de Down surgiram mais ou menos em 1864, quando um médico inglês começou a observar certas características diferentes em algumas crianças. De lá para cá, muita coisa mudou em relação à síndrome, mas algo permanece igual: o desafio dos pais e da família dessas crianças.

Esse é o tema de O Filho Eterno, novo drama nacional que adapta o livro de Cristovão Tezza, publicado em 2007. Situada nos anos 80 – época em que a síndrome ainda era erroneamente chamada de “mongolismo” – o filme acompanha Roberto (Marcos Veras) e Cláudia (Débora Falabella), um casal que espera o primeiro filho e, ainda no hospital, fica sabendo que o pequeno Fabrício é uma criança com Down.

A partir dessa premissa, a produção toca em muitos pontos duros, porém cruciais, para as famílias de crianças com deficiência. Sentimentos como culpa, negação, medo, rejeição, etc., surgem, com o personagem de Veras sendo responsável pela maior parte deles. Enquanto a mãe tenta de tudo para cuidar do filho e estimular seu desenvolvimento, o pai não acredita que aquilo está acontecendo. Ele vê a criança como alguém com “defeito”, pesquisa possíveis “curas” e tem atitudes e falas que surpreendem pela frieza.

Veras, conhecido por fazer comédia, surpreende no papel dramático e entrega uma atuação sólida, que horas faz odiar, horas faz sentir pena do personagem. Já Débora Falabella mantém a consistência do seu trabalho, mostrando as dificuldades em lidar com a criança, e com a rejeição do próprio marido. Esse, inclusive, é um ponto muito importante retratado na trama: muitos pais de crianças com deficiência passam por sérios problemas no relacionamento, seja porque um não concorda com o outro, seja por “culpar” o companheiro pela deficiência.

Conhecido por séries e documentários, o diretor Paulo Machline conduz bem a trama, que apesar de mostrar 12 anos da vida da família, não fica cansativa pois pula para momentos cruciais, sempre perto dos jogos da Copa do Mundo. O Filho Eterno não oferece grandes respostas, ou métodos de como cuidar de uma criança com síndrome de Down. Ao invés disso, mostra como todos podemos ser falhos em relação a essa questão e o quanto qualquer deficiência precisa ser encarada com mais aceitação, paciência e carinho.

O Filho Eterno (2016)
  • País: Brasil
  • Classificação: 14 anos
  • Estreia: 1 de Dezembro de 2016
  • Duração: 86 min.

Nota do crítico:4morangos(Ótimo)

The Flash | Usain Bolt quer fazer participação especial em filme de Ezra Miller

Atletista está divulgando seu novo documentário, I am Bolt

Atualmente em turnê de divulgação de seu documentário I Am Bolt, o velocista Usain Bolt brincou sobre uma possível participação no filme solo do The Flash:

Seria muito legal fazer uma ponta em Flash. Sempre quis ser o homem mais rápido, sempre quis ser o Flash Gordon (sic)”, revelou Bolt à MTV News.

Kiersey Clemons será Iris West e Ezra Miller faz o papel do herói, que foi apresentado em Batman vs Superman – A Origem da Justiça, tem uma participação em Esquadrão Suicida e já foi visto no primeiro teaser de Liga da Justiça – assista aqui.

A produção tem lançamento previsto para 3 de março de 2018.

Rogue One faz Star Wars superar James Bond no ranking de franquias mais lucrativas do cinema

Harry Potter em segundo, líder é Universo Cinematográfico Marvel

O extraordinário desempenho de Rogue One: Uma História Star Wars
na bilheteria mundial fez com que a saga Star Wars superasse os filmes de James Bond no ranking de franquias mais lucrativas do cinema.

De acordo com o site Star Wars News Net, a arrecadação de mais de US$ 600 milhões do filme dirigido por Gareth Edwards fez a série chegar ao faturamento total de US$ 7.075 bilhões, pouco mais que os 26 filmes (sendo 24 oficiais) da franquia do 007.

Star Wars ainda está atrás da série de filmes do universo de Harry Potter (oito filmes com o protagonista interpretado por Daniel Radcliffe e o primeiro de cinco filmes de Animais Fantásticos, lucro total de US$ 8.5 bilhões) e da força absoluta do Universo Cinematográfico Marvel, que alcança um lucro de US$ 10.9 bilhões.

Todd Fisher, irmão de Carrie Fisher e filho de Debbie Reynolds, homenageia as atrizes em rede social

Todd Fisher divulgou a imagem no Twitter

Todd Fisher, irmão de Carrie Fisher e filho de Debbie Reynolds, divulgou uma homenagem às duas atrizes no Twitter nesta quinta-feira (29). A imagem é é uma arte que junta a Princesa Leia vivida por Carrie em Star Wars e Kathy, personagem de Debbie em Cantando na Chuva.

 

Esta é uma linda história de amor para testemunhar nos meus 58 amos. Eu sinto fanta falta de ambas. O amor dura para sempre,” escreveu Todd na rede social. Ontem, ele deu uma entrevista dizendo que algumas das últimas palavras de Debbie foram “quero ficar com Carrie.” Além de Todd, a família ainda tem a atriz Billie Lourd, de Scream Queens.

No último sábado, Carrie Fisher sofreu um ataque cardíaco em avião que ia do Reino Unido para Los Angeles. A atriz de 60 anos veio a falecer na terça-feira (27). Um dia depois, sua mãe Debbie Reynolds teve um derrame e foi levada âs pressas para o hospital. Ela não resistiu e faleceu aos 84 anos de idade.

Trailer transforma ano de 2016 em um filme de terror cheio de mortes

Mortes de Bowie, Prince e Ali são lembradas no vídeo

2016 foi um ano complicado, longo e cheio de mortes. Celebridades como David BowiePrinceCarrie Fisher Debbie Reynolds partiram dessa para uma melhor, e não é incomum ver as pessoas torcendo para que o ano acabe logo. Agora, a internet transformou os últimos 365 dias em um filme de terror. Aqui está o trailer para 2016: The Movie.

O filme começa com um casal feliz na noite da virada do ano, em 31 de dezembro de 2015, e depois vai ladeira a baixo. Uma voz assustadora pergunta “você quer saber quem morreu hoje?” e um homem mascarado, com 2016 escrito em sua máscara, força as pessoas a verem as mortes que aconteceram ao longo dos meses. Confira o vídeo abaixo:

Que 2017 seja um filme de comédia com final feliz para todos.